Facebook é menos confiável que Google e Amazon, diz pesquisa


Uma pesquisa mostra que um em cada três usuários do Facebook confiam na maneira de a rede social lidar com os dados dos internautas cadastrados no site.

O Facebook obteve a pontuação mais baixa e ficou atrás de outros sites como o Google e Amazon no quesito confiança dos usuários. O estudo contou com a participação de 2.262 americanos e foi feito pela empresa de pesquisas Harris Interactive por meio da internet.

Ainda segundo a pesquisa, que foi divulgada pelo jornal The Washington Post, as pessoas que confiam na política de privacidade do Facebook dizem que não estão incomodadas com a maneira de a empresa mostrar os anúncios baseados no histórico de navegação e outras ações virtuais.

Já 66% dos entrevistados confiam no sistema de recomendação de compras da Amazon. Outros 42% dizem que confiam na segurança dos dados obtidos pelo Google, que recomenda anúncios personalizados aos internautas.

Em 2011, o porta-voz Andrew Noyes, o porta-voz corporativo Barry Schnitt e Gregg Stefancik, gerente de engenharia, contaram como é feito o controle dos dados dos usuários.

Fonte: Exame

NOTA: Talvez pelo fato da "rede social" ter sofrido um boom nos últimos dois anos e as mudanças referentes à confiabilidade não terem ocorrido na mesma velocidade essa baixa confiança em relação ao Google e ao Amazon se explique. Outra possibilidade, mais lógica, seja o fato de Google e Amazon já estarem bem mais consolidados no mercado que o Facebook, o que tende a explicar a maior confiança dos usuários.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dando-se tempo ao tempo: cadê as vantagens do porto de Mariel?

Não, Juan Arias. Dilma não se transformou

ENEM 2015 e o orgasmo da esquerda festiva