Especial: o que os editores do MP pensam?

Atual equipe de editores do MP, a saber: Marcos Jr. (acima), Alex Zanetti (abaixo, à esquerda) e Vinicius Littig (abaixo, à direita) (Fonte: acervo do editor)
Bom dia pessoal. Hoje utilizarei o Minuto Produtivo para dar continuidade à série especial de dois anos do blog com uma postagem que provavelmente deve interessar a alguns de nossos leitores: o que a equipe de editores deste espaço pensa? 

Alguns devem estar se perguntando: como assim equipe de editores? Sim, apesar da maioria dos posts serem meus, a equipe do MP possui hoje 3 participantes. Vinicius, membro da equipe do blog desde junho do ano passado, já elaborou postagens como as do aborto e o papel do Estado na sociedade, e participou de quatro dos seis episódios de podcasts. Atualmente atua como revisor das postagens (boa parte do que escrevo por aqui passa pelo crivo dele antes de ser finalmente disponibilizado). Já Alex é o mais novo integrante, assumindo o posto de editor desde o início deste ano, e foi autor de algumas postagens, entre elas sobre a questão do Welfare State na Escandinávia. Além disso participou do último episódio da primeira temporada de podcasts, que foi gravado nos dias 22/12 e 23/12.

A inspiração para esta postagem partiu de uma matéria publicada na Folha de S. Paulo no dia 19/02 sobre os pontos de vista do jornal sobre diversos assuntos. Diante disso, sugeri a Vinicius uma postagem nesse sentido, sobre o ponto de vista de cada um dos membros da equipe MP sobre diversos assuntos, e ele não só gostou da ideia como também incluiu outros temas que a matéria da Folha não contemplou, como agricultura, defesa e legislação. Alex também topou a ideia e resultado vocês podem conferir mais abaixo.

Na planilha que vocês podem conferir neste link, tem o bias de cada um dos editores deste blog em diversos temas relevantes para a sociedade. Em alguns momentos a descrição é mais sucinta e em outros, bem mais detalhada. Nada impede, porém, de que cada um dos editores possa fazer uma postagem detalhando ainda mais sobre o que foi dito nesta tabela.

Enfim, confiram e em caso de dúvidas, pergunte nos comentários deste blog, na nossa página no Facebook, bem como na página parceira Porco Capitalista. Até a próxima.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Não, Juan Arias. Dilma não se transformou

Dando-se tempo ao tempo: cadê as vantagens do porto de Mariel?

ENEM 2015 e o orgasmo da esquerda festiva