Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2013

Seria Barack Obama o Eike Batista da política americana? Ou seria o Eike Batista o Barack Obama do mercado brasileiro?

Imagem
Pelo visto vocês já perceberam sobre o que irei falar. E para os leitores mais antigos deste blog, poderá haver algum estranhamento sobre o que será escrito mais adiante, uma vez que cheguei a dedicar o mesmo a comemorar a reeleição de Barack Obama à presidência dos EUA (clique aqui e aqui para conferir). Sim, alguns trechos do post de hoje vão ter um tom de mea culpa. Natural, até porque quem está por trás deste simples espaço na blogosfera pode cometer erros e eventualmente mudar de opinião (apesar de que isso ocorre raramente).
Como muitos já sabem, ontem, para variar foi um dia de terror para Eike Batista. As ações da OGX, empresa petrolífera do grupo EBXnic, caíram 40%, fechando o dia com uma cotação de R$ 0,30. Uma derrocada e tanta se pensarmos que em outubro de 2010 um pedaço da empresa custava mais de R$ 20. Ou seja, hoje, com apenas R$ 1, você poderia comprar um Freegells e com o troco das balas você poderia comprar uma ação de uma das empresas de nosso Barão de Munchausen …

Surpresa: PIB cresce 1,5% no segundo trimestre. Motivos para comemorar?

Imagem
O Produto Interno Brasileiro (PIB) a preços de mercado se expandiu 1,5% no segundo trimestre de 2013 em relação ao primeiro, na série com ajuste sazonal, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O PIB chegou a R$ 1,2 trilhão em valores de mercado.
O número veio acima da expectativa do mercado e é o maior crescimento trimestral do governo Dilma até agora. A segunda maior expansão havia sido no primeiro semestre de 2011, de 0,8%. No primeiro trimestre de 2013, o crescimento foi de 0,6%.
Dados
Todas as atividades econômicas cresceram. Os melhores resultados foram da agropecuária, com crescimento de 3,9%, e da indústria, que se expandiu 2%, com destaque para o setor da construção civil (3,8%).
A despesa do consumo das famílias subiu 0,3% e a do consumo da administração pública cresceu 0,5%. Os serviços cresceram 0,8%, com destaque para a expansão de 1,7% no comércio. 
Na comparação com o segundo trimestre de 2012, o PIB cresceu 3,3% - com destaque para agropecuária…

Petrobras gasta R$ 900 mi a mais por mês para importar combustíveis

Imagem
A demora na autorização de um novo reajuste para a gasolina e o óleo diesel no País deve provocar um gasto adicional para a Petrobrás de R$ 900 milhões por mês na importação desses combustíveis, segundo cálculos do Itaú BBA. Mas a presidente Dilma, apesar de decidida a autorizar o reajuste, quer esperar que o câmbio e a inflação estejam sob controle para definir o aumento.
A presidente avisou à estatal e aos auxiliares envolvidos com os cálculos do reajuste, segundo uma fonte graduada do governo, que aguardará a "acomodação" do câmbio numa "banda mais estável" de variação. E também quer projeções da área econômica sobre eventuais impactos de um choque de oferta global nas commodities agrícolas causado por nova quebra de safra nos Estados Unidos.
Dilma quer ter segurança sobre o "espaço na inflação" que o governo terá para amortecer seu efeito nos índices de custo de vida. O adiamento do reajuste é uma aposta na "convergência" dessas variáveis p…

Emergentes em crise?

Imagem
Boa tarde pessoal. Pelo jeito vocês perceberam que nos últimos dias me ausentei deste blog (como avisado na página no Facebook no dia 25/08), devido à agenda de compromissos acadêmicos desta semana (ontem apresentei um trabalho em grupo e tenho prova amanhã e quinta). No último post, fiz um comentário sobre uma entrevista da Istoé Dinheiro ao economista-chefe do HSBC, André Loes, que comentou sobre o desempenho abaixo do esperado dos Bric's (Brasil, Rússia, Índia e China). Hoje compartilharei com vocês uma matéria da BBC Brasil falando sobre os rumos econômicos dos países emergentes. Segue abaixo o texto. Volto para comentar.
"Quem observa as movimentações do mercado financeiro nos países emergentes neste mês de agosto pode ficar com a impressão de que o mundo voltou algumas décadas no tempo – para uma época em que Ásia e América Latina eram apenas vistos como lugares de ganhos rápidos e altos riscos.
As regiões que na última década conseguiram registrar crescimento econômico …

Crescimento aquém do esperado frustra expectativa em relação aos BRIC's

Imagem
Em 2009, a revista britânica The Economist mostrou um Brasil decolando na forma de Cristo Redentor. Quatro anos depois, destacou o País, juntamente com seus parceiros de Bric´s, afundando na lama. Essa é a síntese da situação vivida pelo grupo formado por Brasil, Rússia, Índia e China que já estiveram no auge e no alvo de investidores, mas agora amargam criticas e questionamentos sobre a sustentabilidade de seus respectivos crescimentos. 
Olhando superficialmente com base apenas no crescimento econômico, a situação do Brasil é preocupante. Dentre os quatro países membros do Bric's, o PIB brasileiro foi o menor em 2012 chegando a 0,9%. Na liderança esteve a China com 7,8%, seguida pela Índia com 5% e Rússia com 3,4%. O Brasil também perdeu para o vizinho México que cresceu 3,9%.
André Loes, economista-chefe do HSBC para a América Latina, afirma à DINHEIRO que a expectativa foi alta em relação ao crescimento dos países do grupo, mas nem por isso o Brasil carrega algum tipo de ônus p…

Facebook lança projeto para tornar internet mais barata

Imagem
O presidente-executivo da rede social Facebook, Mark Zuckerberg, selecionou Samsung, Qualcomm e quatro outras companhias para um projeto que tem como objetivo levar a internet a pessoas no mundo que não podem pagar por ela, refletindo esforços promovidos pelo Google e outros grupos.
O projeto é chamado internet.org e será lançado nesta quarta-feira. Ele tem como objetivo permitir que mais 5 bilhões de pessoas sem acesso atualmente à rede mundial de computadores fiquem online, disse Zuckerberg.
"O objetivo do internet.org é tornar o acesso à internet disponível a dois terços do mundo que hoje não está conectado", disse ele.
Outros participantes do projeto incluem Ericsson, MediaTek, Nokia e Opera Software.
A parceria vai desenvolver celulares inteligentes de baixo custo e de alta qualidade e levar acesso à internet em comunidades ainda não atendidas, disse o Facebook.
O Google anunciou em junho que lançou uma pequena rede de balões sobre o Hemisfério Sul em um experimento que…

Impressões e opiniões sobre "Privatize Já" - Seção III: Como a privatização pode melhorar o Brasil

Imagem
Confira a primeira parte da resenha AQUI.Confira a segunda parte da resenha AQUI. Boa noite pessoal. Hoje utilizarei o Minuto Produtivo para dar sequência aos comentários do Livro Privatize Já, do economista Rodrigo Constantino, sendo que esta vez será resenhada a terceira parte do livro, em que o autor defende a privatização em diversos serviços públicos em que ainda tenha a presença estatal como forma de melhorá-los. Segue abaixo o resumo dos próximos seis capítulos, bem como alguns comentários que julgo importantes de serem feitos.
Capítulo 15 - Como os governos destruíram os rios
Neste capítulo, o autor inicia sugerindo ao leitor um exercício de imaginação, em que uma empresa fosse flagrada pela polícia jogando milhões de litros de esgoto e lixo em algum rio brasileiro (provavelmente, e de forma justa, os diretores seriam demitidos e os proprietários correriam risco de serem presos, sendo que a falência seria o menor dos problemas para os acionistas). Em seguida ele encerra esse ex…

2014: mais um ano de PIBinho?

Imagem
O alto grau de incerteza que ronda a economia brasileira não só derrubou as expectativas de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) neste ano como também já contamina as projeções para 2014. Em pouco mais de dois meses, a mediana das projeções para o próximo ano de cerca de cem instituições financeiras e consultorias ouvidas pelo Banco Central (BC) caiu um ponto percentual, passando de 3,5% no fim de maio para os atuais 2,5% - e ainda há a perspectiva de que novas revisões para baixo virão. Além disso, entre os economistas já há quem vislumbre expansão de apenas 1% na economia brasileira em 2014, percentual inferior ao piso das estimativas para 2013, de 1,7%.
Um conjunto de fatores contribui para o clima pessimista que se espalha pelo mercado. A baixa confiança de consumidores e empresas, dizem os analistas, é uma trava para o crescimento econômico. Levantamento realizado mensalmente pela Fundação Getulio Vargas (FGV) mostra que, em julho, a confiança do consumidor caiu 4,1% frente…

Mais um retrato do "apagão logístico" no Brasil

Imagem
Boa noite pessoal. Como vocês sabem, me ausentei deste blog pelo fato de estar envolvido em alguns compromissos acadêmicos que demandavam um tempo maior, como as atividades finais de minha iniciação científica e minha apresentação da disciplina de Logística I (em que meu grupo resolveu falar do modal rodoviário). E por falar em logística, retomo as atividades por aqui comentando mais um exemplo de nossa defasagem nesse aspecto em relação aos demais países do mundo. Segue abaixo matéria do Estadão. Volto depois.
"Um contêiner com commodities ou produtos finais demora, em média, 21 dias para ser liberado, após a chegada ao porto de Santos, são 19 dias a mais que no porto de Roterdã, na Holanda. Mas esse não é o único problema do principal porto brasileiro. A fila começa antes mesmo de a carga chegar ao porto: o tempo de espera dos navios para atracação em Santos foi de 16 horas no ano passado, quase três vezes o tempo que se gastava em 2003, de 6 horas, enquanto o total de estadia …

BR-262: um exemplo do que NÃO fazer em concessões

Imagem
Boa noite pessoal. Ontem comentei neste blog uma matéria de Exame que falava das concessões, um passo importante e por que não dizer necessário para que o Brasil possa avançar na questão da infraestrutura. Hoje uma matéria do jornal A Gazeta mostra as falhas no processo de duplicação da BR-262 que criar mais uma novela aqui no Espírito Santo. Como se não fosse suficiente as novelas da duplicação da BR-101 e da ampliação do Aeroporto de Vitória...Mas enfim, segue a reportagem. Volto mais tarde.
"O sonho dos usuários da BR 262 de ter uma rodovia duplicada em condições para se trafegar com segurança e com tarifa de pedágio compatível pode virar um pesadelo. Isso porque o procedimento adotado pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), no processo de modelagem da concessão, levou a falhas e erros, como a redução de investimentos, que vão comprometer a eficiência das melhorias, além de encarecer a tarifa do pedágio.
Especialistas do setor ouvidos durante a semana relataram,…